segunda-feira, 6 de junho de 2011

Review 3x02 - Encontrando Freebo


Peraí, ouvimos certo episódio passado? A Rita tá gravida? Eu já estava criando expectativas de Dexter ter que passar seu legado ao Cody, mas não, Dexter vai ter seu próprio filho(a). O começo deste episódio confirma que a gravidez citada anteriormente não foi uma pegadinha.  Dex faz uma breve consideração sobre crianças, o que ele via com ‘esperança’, agora são ‘pequenas incertezas’.

Debra continua sendo pressionada pela sargento para ficar de olho no Quinn, que por acaso(?) aparece com um relógio mega chique, e que afirma ser original. ‘Vendi um rim por ele’. Ok Quinn, e nós nascemos ontem.

Debra é boca suja, e tem alguns outros pontos que por muitos pode ser considerado defeitos. Mas ela não é do tipo ‘dedo-duro’, é o que se mostra até agora. Mesmo estando louca para ganhar o cargo de detetive, que poderia ganhar facilmente entregando Quinn, seja lá por que motivo que ele está encrencado, ou poderia resolver um caso grande. Sua chance de se consagrar com Miguel e o caso do Freebo foi desperdiçada, já que por sua boca grande Batista a tirou do caso. Por um acaso, que só acontece em seriados e filmes, o caso que ela foi colocada é da namoradinha do Freebo, a Teegan! Com uma ajudinha do Anton, informante do Quinn, ela chegou a um traficante que levou à ligação da vítima com o Freebo, o que a leva de volta para o caso!

‘Você ainda vai aprender que eu não aceito não como resposta’ podemos flanar e flanar sobre as possibilidades que tal afirmação pode nos trazer. Mas desta vez foi usada especificamente para uma ‘convocação’ para um jantar na casa do próprio promotor, que tem uma estranha familiaridade e interesso por Dexter. Esperamos que seja pelo caso. Não queremos alguém do nível de poder que Miguel tem por perto.

‘She’s nesting while I’m hunting’ a ideia de família está realmente mexendo com Dexter, e por ele ser o que é, suas comparações são tão primitivas quanto ele é. O bebê mal acabou de ser ‘descoberto’ e já está causando preocupações, falta de tempo, confusão, irritações e algumas coisas mais. As alucinações de Dexter são realmente prejudiciais. Além de ele já não ter uma ‘boa relação com o falecido pai’, agora ele ‘vê’ seu filho criado e um mini-assassino.

Vamos combinar que relações interpessoais nunca foi o forte de  Dexter, mas espero que todo fã de Dexter aprenda com isso. Rita fala sobre criar a criança sozinha, Dexter realmente chega a considerar isso. Ele considera as possibilidades, prós e contras, se justificando que não é um bom exemplo e outras coisas. Mulheres, sempre falando uma coisa para que o homem tome a frente. Rita claramente fala isso com intenção de que Dexter fale algo do tipo: “Não, nós criaremos o bebê juntos! Eu quero estar ao teu lado nesse momento tão lindo e único para mim! Rita... Quer se casar comigo?” Bom Rita, não é bem assim para o nosso psicopata, ele tem alguns momentos Sheldon Cooper, se você não for direta e clara com ele, é capaz de ele não entender a mensagem.
[Impressão minha ou a LaGuerta tem uma quedinha pelo Miguel? Bom, tanto faz...]

‘Se a minha primeira tentativa com Freebo tivesse ido de acordo com o plano, Oscar Prado ainda estaria vivo, Miguel não saberia quem eu sou, Teegan continuaria viva para se prostituir mais um dia, e Deb não estaria caçando uma indigente. E eu não estaria olhando  para o relógio, contando os minutos até anoitecer, tentando despistar meus amigos de farda.’ Night time! Ao procurar alguma pista que levasse a casa da namorada ao Freebo, adivinhe só, o próprio! Então é isso, voltar pra casa, pegar os materiais, preparar a blood room e matar Freebo! Fácil assim, certo? Bom, seria simples assim se Miguel não tivesse descoberto o endereço da namorada e não tivesse ficado de stalker na frente da casa se indagando por dentro se entrava lá ou não. ‘It was self-defense’ Dex usa o máximo de sua capacidade de interpretação para convencer Miguel que foi sem querer e blábláblá, mas outra surpresa no episódio! O sr. Prado o agradece pelo ato! Ser promotor, estar acostumado com tantas merdas que acontecem por aí pode ter suas vantagens para um psicopata...

Miguel Prado agora conhece quem é Dexter Morgan, e agora Harry? O que diz o código mesmo? Será que para Dex não ser pego, Miguel vai ter que morrer? Ainda temos 10 episódios para resolver isso! Até o próximo!

0 comentários:

Postar um comentário

CARREGANDO NOVO FORMULÁRIO DE COMENTÁRIOS. AGUARDE.... SE VOCÊ ESTIVER LENDO ISSO E A PÁGINA FOI TOTALMENTE CARREGADA, NÃO USE ESTE FORMULÁRIO PARA COMENTAR. APERTE F5 E AGUARDE O NOVO FORMULÁRIO CARREGAR