segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Review 6x07 - Nebraska


Só de começar o episódio já me dá um arrepio. Rever a cena do Dexter liberando totalmente o Dark Passenger ainda tira o fôlego!

“Eu estava perdido antes. Depois que a Rita morreu, que a Lumen partiu. Mas agora fui.. encontrado!” Pode ser paranoia minha achar que essa frase faz uma alusão à música Amazing Grace, mas até que faz sentido. “Eu estive perdido, mas agora fui encontrado”, é um trecho da música. A música fala sobre salvação, e se tal frase realmente foi alusão à música, será que o Brian veio para trazer paz em relação à salvação de Dexter?
A linda da Rebeca Mitchel morreu. Eu não tô muito me importando com o fato de o Jonah ter incorporado o Trinity Killer e tudo mais.. A REBECA MORREU! Como assim? Ela era linda demais para morrer! Pelos meus cálculos, ela devia ter de 18 para 19 anos agora. Pra mim estaria ótimo!
“Sua vida não é nada mais que responsabilidades, Dexter! Olhe em volta! [...] Você foi domesticado!” A volta de Brian não poderia ter sido mais magnífica! Dexter a vida toda se ateve ao seu modus operandi, controlando tudo e todos a sua volta para que seus planos dessem perfeitamente certos. Para os que assistiram ao Cisne Negro, é como se a vida toda Dexter tem sido o cisne branco. Perfeito, impecável, limpo. Agora com o reaparecimento em peso do Brian, é hora de mostrar como é ser o cisne negro. Estendendo a metáfora pode ser perigoso, já que o branco se mata, mas vamos ignorar essa parte.
“Debra, Debra, Debra... Ela realmente vale a pena?” É fantástico ver também o desprezo do Brian em relação à Deb, desde o começo do episódio! Debra é a única família que Dexter tem, então o lado mais negro do dark passenger, personalizado no Brian, tem que fazer de tudo para desligar o lado social do nosso psicopata. Potencializando o que há de mais primitivo dele, fazendo-o voltar às raízes, de fato.


Tá tão evidente a personalização do dark passenger, que as cenas que o Brian não faz ‘nada’, ele fica com cara de tédio, come porcarias e reclama. Outras horas ele falava coisas como se fossem óbvias, meio descuidado, mas extremamente inteligente! Scott Buck e companhia, parabéns!
O problema do auto-conhecimento é que você pode chegar a um ponto no qual a convivência com você mesmo se torna insuportável OU você se torna muito convicto de si mesmo e acaba deixando coisas importantes de lado. Podemos esperar a quebra total do código de Harry por tempo indeterminado.
Achei a história do Jonah meio off. Não seria tão louco se ele tivesse se tornado um novo Trinity, mas o jeito com que fizeram? No mínimo viajado. Me parece mais uma coisa que foi feita para se encaixar na vida do protagonista. Acho equivocado o mundo conspirar toda hora para o protagonista, tem que acontecer coisas com mais lógica! Eu realmente esperava que ele estivesse se aproveitando da fama do pai para retornar as atividades.
Obs.¹: Sim, sou um Quinn-Hater, mas ele foi bem bonzinho na cena que a Debra fica toda bixinha e cai na dele mais uma vez. É claro que na vida real eu acharia isso uma bosta, chamaria a Deb de idiota por dar mais uma chance pro cara e tudo mais, mas é ficção. A gente (todos nós) já temos algum tempo de ficção e já sabíamos no que ia dar. Séries como Dexter tem a trama imprevisível, mas geralmente só a trama principal. As paralelas se desenvolvem de maneira linear, regular e de uma certa forma até previsível. Agora o relacionamento deles volta, firma e dura para sempre, é.

Obs.²: O caso do Doomsday Killer está quase que totalmente deixado de lado, e eu até estava adorando isso! Mas parece que vão retomar, parece que o Brian se foi.

Obs.³: EU ESPERO QUE O FATO DE O HARRY TER VOLTADO NÃO SIGNIFIQUE QUE O BRIAN TENHA SUMIDO! QUERO VER SANGUE ENTRE ESSES DOIS, A PERSONALIZAÇÃO DO ID, EGO E SUPEREGO! DÁ-LHES DEXTER!
Considerações finais: Achei um puta episódio, muito bom mesmo! Só não é perfeito por que o desfecho foi fraco. Segundo a Análise do Comportamento, quando algo é muito reforçador para alguém (no caso de algum distúrbio, por exemplo), e a pessoa tem acesso a isso, ela não consegue se segurar. Então como the hell Dexter conseguiu resistir? E o Jonah armou tudo pra que Dexter o matasse? Não me convenceu.

Até a próxima, fellas! Die, die!

Por: @Gabrielbarros42
    

0 comentários:

Postar um comentário

CARREGANDO NOVO FORMULÁRIO DE COMENTÁRIOS. AGUARDE.... SE VOCÊ ESTIVER LENDO ISSO E A PÁGINA FOI TOTALMENTE CARREGADA, NÃO USE ESTE FORMULÁRIO PARA COMENTAR. APERTE F5 E AGUARDE O NOVO FORMULÁRIO CARREGAR