segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

Michael C. Hall sobre os Dois Últimos Episódios da 7 ª Temporada de Dexter



The Hollywood Reporter foi à Michael C. Hall para visualizar os dois últimos episódios da 7 ª temporada de "Dexter" e como Dexter será salvo com LaGuerta e Matthews há dois passos de revelar a verdade sobre o BHB. Leia a entrevista a seguir.




Hannah e Deb podem co-existir? 
Isso é uma esperança que Dexter se permitiu para entreter, mas parece estar se revelando ser mais uma fantasia do que uma esperança legítima. Vamos ver. Está revelando-se como a gota d’água em termos de boa vontade de Deb para aceitar quem Dexter é.

Dexter pode realmente proteger as mulheres da sua vida, considerando que Deb está teimando em colocar Hannah atrás das grades?
Essa é uma parte da dinâmica convincente que existe conforme entramos nestes dois últimos episódios: Dexter vai ser forçado a fazer uma escolha entre as duas e se esse for o caso, qual será a escolha?

Hannah ficou não só em seu coração, mas sua cabeça e Dexter está se perguntando se ele pode fechar o livro sobre seu Passageiro das Trevas. É algo que Dexter poderia finalmente fazer?
Eu acho que é atraente à sua maneira, porque todos nós podemos chegar a um limite na vida em que somos seduzidos pela natureza libertadora de tomar plena responsabilidade das coisas que fizemos e tudo que temos sido, mas há outro lado disso. Dexter é o mestre de compartimentalização e não há maior prova disso que a sua concepção de seu Passageiro das Trevas. Para ele ser um indivíduo mais integrado é algo que é muito atraente para ele, mas também é fisiologicamente perigoso neste momento, porque isso significaria que ele não é apenas totalmente responsável por todos os inimigos que ele venceu, mas também totalmente responsável pelas formas em que pessoas em sua vida têm sido responsabilizadas por sua compulsão. Ele está em águas psicológicas praticamente inexploradas e quentes agora e eu não sei como ele vai se encontrar ou lutar contra o seu caminho para sair delas.

Dexter pode imaginar um futuro com Hannah que não inclui o seu Passageiros das Trevas?  
Eu não sei. Quando ele diz: "Não há nenhum Passageiro das Trevas, sou só eu", é a primeira vez que ele realmente admite o que é para o pai de Hannah antes de matá-lo. Dexter dizendo que não há Passageiro das Trevas não é necessariamente Dexter dizendo que ele não vai precisar matar. Ele está talvez mais preparado para considerar que tudo isso é só ele, ele não está possuído ou atingido por esta força das sombras, é só ele, e ele tem o desejo de assumir a responsabilidade e possuí-la, mas o que isso vai significar continua a ser explorado. Ele parece pensar que se pode vencer o último assassino sobrevivente de sua mãe, que talvez algumas portas fossem fechadas, mas, ao mesmo tempo, no início do episódio, quando ele está fantasiando o futuro, o incluí matando alguém.

LaGuerta ainda está olhando para o caso BHB - como Dexter poderia guia-la desta vez considerando que ela tem Matthews trabalhando ao seu lado?
Vamos vê-lo lidar com Matthews cara-a-cara e começar a tentar tirá-lo do rastro, mas é uma proposta difícil. Acho que Matthews o deixa por dentro dos detalhes da investigação, por um lado, porque ele se preocupa com Dexter e não quer acreditar que é verdade, mas, por outro lado, ele está avaliando a resposta de Dexter para ver se não há nada de suspeito sobre ele e Dexter está ciente disso. O show é sempre interessante quando você vê Dexter em apuros e ele está em vários neste momento. Parte da diversão de assistir é vê-lo lutar contra o seu caminho, seja fisicamente ou com a mente.

O momento da liberação de Hector Estrada - ele é o último homem sobrevivente ligado a morte da mãe de Dexter - é muito suspeito, considerando a investigação de LaGuerta sobre Dexter. Os dois poderiam estar conectados?
Talvez! É uma boa observação.

Será que Dexter já começa a questionar se os remanescentes sentimentos românticos de Deb por ele estão nublando seu julgamento com Hannah?
Ele está sendo forçado a tomar decisões tão rapidamente e instintivamente que provavelmente só depois do fato que ele pudesse avaliar a nuance da motivação dela [Deb] em termos desses sentimentos por ele. Enquanto Dexter não necessariamente retribuir da mesma forma os sentimentos românticos Deb que já existiram alguma vez - ela diz, "Eu estou apaixonado por você ou eu era apaixonada por você; eu não sei se eu gosto de você" - as coisas tem mudado desde que ela teve a epifania inicial durante a sexta temporada. Dexter pode apreciar que ele tem uma ligação singular e única com sua irmã e que é de valor e algo que precisa ser preservado.


Tradução: @LollipopDesease
Fonte: darklydexter.com

0 comentários:

Postar um comentário

CARREGANDO NOVO FORMULÁRIO DE COMENTÁRIOS. AGUARDE.... SE VOCÊ ESTIVER LENDO ISSO E A PÁGINA FOI TOTALMENTE CARREGADA, NÃO USE ESTE FORMULÁRIO PARA COMENTAR. APERTE F5 E AGUARDE O NOVO FORMULÁRIO CARREGAR